No início desta semana surgiu, infelizmente, a notícia de mais uma criança morta com suspeitas de maus-tratos. Desta vez parece que o sistema funcionou e os médicos deram imediatamente o alerta. Assim sendo a segurança social (ou a entidade responsável) entrou em acção e entre outras coisas retirou o outro filho ao casal.

Esta rápida intervenção é de aplaudir pois parece que finalmente se começa a ter consciência de que se deve dar o alerta por menor que seja a suspeita… Em alguns casos até pode parecer exagerado mas como diz o ditado “mais vale prevenir que remediar” e a história recente está cheia de casos trágicos que se devem a inércia dos responsáveis (talvez não tivessem a certeza e tiveram medo de agir).

Mas qual não é o meu espanto quando hoje ouço uma conversa em que os médicos e a segurança social são criticados por terem agido? Ao que me parece ainda não há certezas de nada e acho que é de "louvar" esta atitude (tenho a certeza que as pessoas que deram o alerta não o fizeram de animo leve).
E que tal deixarmos de dizer mal só por dizer e começar a agir quando é necessário?

publicado por abelhinha às 18:25